Sinte - Regional de Joinville

Sinte - Regional de Joinville

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012





A direção do Sinte Joinville deseja a todos os Trabalhadores em Educação um Feliz Natal e um próspero Ano Novo de novas conquistas. 

Vamos continuar lutando por uma educação mais justa, igualitária e democrática, buscando sempre a valorização da nossa categoria que tanto merece.


Boas festas!

domingo, 23 de dezembro de 2012

PROJETO DE LEI PARA ELEIÇÃO DE DIRETORES NAS ESCOLAS DO ESTADO NÃO SERÁ VOTADO ESSE ANO


Eleição democrática nas escolas será mesmo? O projeto de Lei do Deputado Merísio deveria estar na pauta de votação de hoje, encerrando os trabalhos do legislativo em 2012, e votado no apagar das luzes da câmara, contudo, ainda existem muitos questionamentos acerca do mesmo, principalmente com relação ao conceito de democracia apresentado. Sendo assim, a Diretoria Executiva do Sindicato antecipando os possíveis desdobramentos do caso, e como a gestão democrática é uma bandeira de luta histórica do SINTE, protocolou ofício na Assembleia, no último dia 27 de novembro, solicitando audiência para discutir o projeto.

Além disso, ontem, 18/12, membros da diretoria do SINTE/SC estiveram na ALESC, juntamente a outras 30 entidades para entregar documento, pedindo abertura e instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI para investigar os atos decorrentes dos contratos de gestão firmados com Organizações Sociais (OSs) para a prestação de serviços no Estado. Aproveitando o momento, os dirigentes entregaram nas mãos do relator do projeto Deputado Doia Guglielmi documento solicitando que o mesmo não seja votado neste ano, bem como uma proposta de projeto elaborado pelo Sindicato, pois a aprovação de tal Lei seria uma afronta à educação, já que não houve uma construção coletiva, e tanto categoria, quanto a comunidade escolar não foram consultadas.

O SINTE ainda articulou pelo cancelamento desta votação com outros Deputados, lideres de bancada. Segundo fontes da Assembleia, o próprio Governador não quer que o projeto seja votado esse ano, pois se o mesmo for aprovado em 2013, só terá validade a partir de 2014, sendo assim haverá tempo para a capitalização dos votos dos indicados aos cargos, para as eleições ao Governo do Estado.

Vale ressaltar que o SINTE/SC é totalmente a favor de um projeto de Lei que traga de fato a Gestão Democrática para as escolas, contudo, o mesmo deve ser amplamente discutido, e o modelo apresentado hoje não contempla a tão sonhada democracia na escola.

Fonte: SINTE/SC

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Sinte Joinville participa de audiência com secretário


Representação de Joinville reuniu com Eduardo Deschamps e pediu solução imediata para o fechamento das extensões e de escolas na região

 
Na última quarta-feira (12/12), em Florianópolis, representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (SINTE/SC), SINTE Regional Joinville, da União Joinvilense dos Estudantes Secundaristas (UJES) e parlamentares de Joinville se reuniram com o secretário estadual de educação, Eduardo Deschamps para discutir a situação das escolas estaduais da região norte.

Durante a reunião foi cobrado do secretário urgência na reforma e construção de novas escolas em Joinville e região, lembrado que já se contabiliza 11 escolas interditadas pela Vigilância Sanitária. Foi cobrada também uma posição do secretário sobre o fechamento das extensões em Joinville.

 Em resposta o secretário apresentou o mesmo discurso dos outros representantes do governo de Santa Catarina, culpando a Vigilância Sanitária pela situação. Disse mais uma vez que grande parte das verbas da educação é destinada ao pagamento do magistério.  Informou que o estado deve receber recursos do BNDES na ordem de R$ 300 milhões para as obras. Disse também, que os recursos destinados à SED pelo MEC, na faixa de R$ 120 milhões, só podem ser investidos em construções de novas escolas ou de ginásios de esportes e não para as reformas.

 Sobre as extensões, o secretário declarou-se contrário a sua manutenção e disse que o ideal é fechar as mesmas e colocar os alunos em escolas com estrutura adequada.

 Para a representante do Sinte Joinville, Maria da Consolação Pereira as extensões devem ser mantidas até a construção de novas escolas, como prometido pelo governo. “O fechamento das extensões prejudica toda a comunidade escolar dos bairros e impossibilita que o aluno estude perto de sua casa, desrespeitando a lei de zoneamento”, argumenta.

 Da mesma forma, um dos vereadores presentes, o vereador Adilson Mariano, membro da Comissão de Educação na Câmara de Vereadores de Joinville (CVJ), questionou o secretário e afirmou que as estruturas das extensões estão em situação melhor que as escolas estaduais na região.

 Ao final da reunião a representação de Joinville entregou nas mãos do Secretário, um dossiê da situação das escolas no município.

 Para o Sinte, ficou claro a postura intransigente do secretário Eduardo Deschamps, que mais uma vez não demonstrou compromisso com a educação, ao não atender as reivindicações da comunidade escolar transferindo o problema para outras instâncias, chegando a culpar os Trabalhadores em Educação pela situação.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Concurso Público do Magistério do Estado é de faz de conta

A partir das escolhas de vagas dos aprovados no Concurso Público de ingresso no Magistério de 2012, ficou ainda mais claro que a intenção do Governo não era de suprir a grande necessidade de contratação de professores efetivos em SC, mas apenas de mostrar a sociedade e a categoria que após oito anos cumpriu a reivindicação feita ano após ano pelo SINTE/SC.

Ao oferecer apenas dois mil vagas, o crônico problema da falta de profissionais habilitados nas escolas está longe de ser resolvido. pois pelos dados do próprio Governo, este número é de pelo menos 10 mil,. Além disso, a carga horária oferecida para a escolha é de apenas 10 horas, e sabemos grande maioria dessas vagas tem carga horária superior a 40 horas, mais de uma vaga por disciplina, deixando claro, que o Governo não está levando em conta o número de professores/as necessários para que tenhamos uma educação de qualidade.

A prova deste faz de conta, é que no momento da escolha, o candidato interessado em uma carga horária maior já recebia um documento da GERED para apresentar na escola solicitando a alteração. O grande engodo da situação é que esta alteração só poderá ser feita de forma temporária, conforme o estabelecido pelo Decreto 4622/2006. Na realidade o a aprovado/a só poderá se efetivar em 10 horas para quem trabalha do 6º ao 9º ano e ensino médio e 20 horas para os anos iniciais. Os/as candidatos/as que fizeram alteração temporária em vaga vinculada perderão as aulas no momento do retorno do/a titular.

A expectativa do Sindicato é de com a escolha dos trabalhadores ACTs, as vagas excedentes apareçam, confirmando assim as suspeitas da entidade desde o início da publicação do edital para o concurso de ingresso, para nós propositalmente as vagas não foram abertas para o concurso, para serem disponibilizadas aos trabalhadores temporários.

O SINTE/SC vem recebendo estas denúncias de profissionais aprovados no concurso em todo o Estado, e se manterá vigilante na defesa dos interesses dos trabalhadores e no devido momento, tomará medidas políticas e jurídicas que se fizerem necessárias.

Projeto na Assembleia determina consulta à comunidade escolar antes do governador nomear o diretor da escola

Escute a matéria feita pela Repórter Patrícia Gomes – Rede de Notícias ACAERT – RNA com a participação do SINTE/SC.

Clique aqui: Reportagem Gestão Democrática

Assine a petição: 1/3 de hora-atividade para o magistério já!

Abaixo-assinado pela homologação imediata do Parecer CNE/CEB nº 9/2012, que orienta sobre a aplicação do limite mínimo de hora-atividade previsto na Lei 11.738 (Piso Salarial Profissional Nacional do Magistério).
 
Requeremos ao Ministro da Educação, Aloizio Mercadante, a imediata homologação do Parecer nº 9/2012, aprovado por unanimidade pela Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação, após ouvir amplos setores da comunidade educacional (professores/as, gestores/as e estudantes).
O Parecer CNE/CEB nº 9/2012 tem por finalidade orientar as redes públicas de ensino do país a aplicarem corretamente o percentual da jornada extraclasse do/a professor/a, considerada constitucional pelo Supremo Tribunal Federal por ocasião do julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 4.167.
Ressalte-se que o Parecer nº 9/2012, após ter sido aprovado pelo CNE, foi reenviado pelo MEC ao Conselho Nacional de Educação, a fim de se estabelecer consensos na sua integralidade. E após a realização de duas audiências públicas, promovidas pela Câmara de Educação Básica daquele Colegiado, o referido Parecer finalmente foi aclamado por todas as entidades presentes, inclusive Consed, Undime e CNTE.
Em razão do exposto, bem como pelo fato de os sistemas educacionais estarem na iminência de realizar novas atribuições de aulas para o ano letivo de 2013, requeremos a imediata homologação do Parecer CNE/CEB nº 9/2012.
 
Faça o download do Abaixo Assinado aqui: http://sinte-sc.org.br/files/abaixo_assinado_parecer.pdf
 
Fonte: Site CNTE

domingo, 9 de dezembro de 2012

Seminário Meritocracia


Seminário sobre Meritocracia no dia 08/12
No último sábado (08/12) o Sinte Joinville realizou seminário sobre Meritocracia contando com a presença de professores, dirigentes da Regional e também do Sinte Estadual.

 Formam discutidos vários pontos relacionados à meritocracia, sua forma de implementação em vários estados, principalmente em Santa Catarina.

 Chegou-se a conclusão que a discussão desse tema precisa ser ampliada e aprofundada, com o objetivo de esclarecer toda a categoria dos riscos para a carreira caso a meritocracia seja aplicada pelo governo do estado.

 Ao final da discussão, tirou-se como encaminhamento a realização de um novo seminário no início do próximo ano.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Agenda

Manifestação em defesa da educação e saúde Pública
Dia: 05/12

Horário: 17:30h
Local: Secretaria de Desenvolvimento Regional de Joinville

Sua presença é importante!

sábado, 1 de dezembro de 2012

AGENDA

Seminário Meritocracia
Dia: 08/12
Horário: 9h da manhã
Local: SINPRONORTE (Av. Santos Dumont, 208 - Bom Retiro).