Sinte - Regional de Joinville

Sinte - Regional de Joinville

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Comunicado
Estaremos sem atendimento nos próximos dias por estarmos sem funcionária.

Voltaremos ao atendimento normal o mais breve possível.


À direção 

4 comentários:

  1. Como é de conhecimento de todos, estamos sem funcionária. Precisamos resolver isto o mais rápido possível, pois o sindicato não pode ficar fechado.
    Informo a todos que a partir de amanhã estarei fazendo entrevistas para a nova contratação, tendo em vista que esta é uma tarefa que cabe a parte que fez maioria na direção. Caso alguém tenha sugestões, favor avisar.

    P.S Informo ainda, que os informativos foram entregues. Já está comigo cerca de metade dos informativos, a outra metade encontra-se no Sinte para que a minoria organize a distribuição. Havendo necessidade de mais informativos nos comunicamos.

    Att,
    Clarice

    “..., TENDO EM VISTA QUE É UMA TAREFA QUE CABE A PARTE QUE FEZ MAIORIA NA DIREÇÃO....”

    Primeiramente, causa-me estranheza a frase ora destacada, pois o sindicato é de todos os docentes filiados, e não da chapa “A ou B”, ou da “Maria ou do José”! No lembrete acima, o termo “minoria” é pejorativo, afinal, a minoria são vocês que representam a maioria dos professores. No sindicato há um grupo diretivo eleito, e que deve trabalhar e deliberar conjuntamente, caso contrário, vira bagunça. Não se pode brincar com a coisa pública, fazendo de conta que trabalham pela classe do magistério, com desencontros de reuniões, informações, transparência do que está sendo e será feito, e afins. Ou estando afeitos a vaidades que não nos dizem respeito! Foram eleitos para nos representarem e queremos resultados.
    Eu, como tantos outros professores, trabalhamos na eleição com intuito de elegermos os melhores para nos representarem, e esperamos não sermos traídos com falácias em tempos eleitorais, pois já tivemos experiências amargas de outrora. Todos os que estão nos cargos ocupados não esqueçam que também fazem parte desta classe que representam, por isso esperamos que as ações sejam em conjunto para um maior fortalecimento da base que voltará a acreditar no sindicato e nos sindicalistas.
    A centralização de poder vem de encontro ao que foi apregoado no pleito, ao regime democrático, da liberdade de expressão, dos direitos e garantias,...!
    Respeitamos todos os eleitos, porém, queremos agilidade, transparência, informações, informes, e reuniões explicativas acerca de nossas reivindicações.
    Estou à disposição para lutar em prol da classe do magistério, e não do grupo “A ou B”, ou da “Maria ou do José”!
    Tenham um bom e proficiente trabalho.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Professor Renato,
    Conforme o senhor afirma fomos eleitos e a atribuição para contratar um funcionário é da direção do sindicato. A categoria aguarda isso, pois precisa do Sinte aberto.

    O senhor concorreu ao pleito e é normal que faça oposição. Porém, o texto postado no início de seu comentário foi um email enviado, por mim, à direção eleita do Sinte. Nunca enviei ao senhor este email. A forma como o senhor distorceu o conteúdo é que não é democracia.

    Todavia, não tenho nenhum problema que a categoria leia o e-mail. Caso alguém tenha dúvidas sobre ele, tenho certeza que irá me procurar.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara professora, tenho respeito por você, porém, como está escrito a mensagem não me restou outra hipótese, senão a de expor minha opinião e ainda caiu em meu "e-mail". A senhora deveria ter colocado "on-line" os problemas, nós precisamos saber. As coisas não podem ser feitas às escuras! E espero que esta direção não seja prá meia-dúzia trabalhar como está no (P.S) acima, e sim para todos os que foram eleitos. Não sou oposição ao sindicato/ou às pessoas eleitas, mas sim oposição à autocracia, imposição e parcialidade.
      Você é conhecedora da minha conduta nas lutas em pról da classe. E se precisar exemplifico melhor para você o que dá para entender sobre o escrito.
      Abraços.

      Excluir
  3. Nesta semana, já estaremos funcionando em horário normal com nova funcionária.

    ResponderExcluir