Sinte - Regional de Joinville

Sinte - Regional de Joinville

sábado, 27 de abril de 2013

NOTA DO SINTE/SC SOBRE ASSEMBLEIA ESTADUAL COM ATO


Sem sombra de dúvidas esta foi uma Assembleia vitoriosa, onde o Magistério demonstrou que está mobilizado e pronto para qualquer enfrentamento. Foram mais de 2 mil pessoas presentes. Ônibus chegando de todos os cantos do Estado. Faixas, bandeiras, camisetas e corações de lutadores.  Esta foi a visão que tivemos ao ver todas aqueles trabalhadores e  trabalhadoras, em frente ao Centro Administrativo do Colombo.

Nas falas dos dirigentes e trabalhadores, um único pedido: Educação de qualidade. Sendo assim foi apresentado como encaminhamentos e aprovado pela categoria que o magistério exige:
- Piso na Carreira
- Descompactação da tabela salarial
- Cumprimento de 1/3 de hora atividade fora da escola
- Contra a meritocracia
- Contra a retirada de direitos como a incorporação da regência de classe
- Contra a reenturmação
- Contra recreio monitorado
- Pela garantia de emprego aos ACTS e que eles tenham acesso a cópia de seus contratos
- Não a contratação de ACTS por aula dada
- Gestão Democrática
- Unificação dos servidores públicos para lutar contra a retirada de direitos
- Pela negociação com propostas concretas
- Não a grupo de estudos com o Governo

Além disso, em muitos depoimentos, professores citaram a situação precária de suas escolas, e exigiram que este Governo vá até esses lugares, para ver qual é a verdadeira condição de trabalho e de estudo a que precisam se submeter profissionais e alunos.

Após a leitura e aprovação dos encaminhamentos, os trabalhadores se dirigiram para o acostamento da SC 401, onde formaram uma grande fila, em um protesto pacífico mostraram suas faixas aos motoristas que ali passavam, para que pudessem saber o motivo do manifesto. A grande maioria aplaudiu, através de buzinas, palavras e gestos o magistério catarinense.

Enquanto isso, representantes da Executiva do SINTE/SC entrou no Centro Administrativo para entregar um ofício endereçado ao Governador Colombo. No documento, recebido por Décio Vargas, Coordenador do CONER, o Sindicato afirma que quer que seja estabelecido um verdadeiro processo de negociação, pois há várias questões que, no marco da CONER e Secretaria de Educação não nos foi respondido até o momento. E que não aceita, em hipótese alguma a incorporação da regência de classe. O SINTE também exigiu que de forma emergencial, o Governo cancele a reenturmação que vem acontecendo em todo o Estado.



Veja o documento na íntegra: 

Of. Expedido nº 111/2013                                     Florianópolis, 25 de Abril de 2013

Exmo. Senhor
João Raimundo Colombo
Governador do Estado
Nesta


Exmo Sr.

O SINTE/SC, representando os Trabalhadores em Educação do Estado, vem a V. Exa. solicitar que seja estabelecido um verdadeiro processo de negociação, pois há várias questões que, no marco da CONER e Secretaria de Educação não nos foi respondido até o momento.

Nossa deliberação é estabelecer negociação, no entanto o que nos foi exposto é de que a intenção do governo é mexer na Regência de Classe, que não há possibilidade de descompactar a tabela sem incorporar a regência.

Queremos uma mesa de negociação para discutir a seguinte pauta:
  1. Aplicação correta do Piso Salarial na carreira, com descompactação imediata da tabela salarial sem perda de direitos, (regência de classe) a qual deveria ter ocorrido ainda em 2011,
  2. Cumprimento imediato de 1/3 da jornada como hora atividade,
  3. Realizar 2ª chamada dos aprovados no concurso publico de 2012 e a realização de novo Concurso para todos os cargos da carreira do magistério,
  4. Garantia de permanência dos ACTs contratados em vaga excedente até a realização de Concurso Público,
  5. Que o governo resolva imediatamente a situação caótica de infraestrutura em que se encontram as escolas publicas estaduais.

Certos de contarmos com Vossa atenção, subscrevemo-nos;

Atenciosamente,




Alvete Pasin Bedin
Coordenadora Estadual

Anna Julia Rodrigues
Secretária Geral

Nenhum comentário:

Postar um comentário