Sinte - Regional de Joinville

Sinte - Regional de Joinville

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Sinte Joinville denuncia fechamento de turmas no MP

Na última quinta-feira (16/08), dirigentes do Sinte Joinville, protocolaram representação no Ministério Público contra o fechamento de turmas imposta pelo governo.

Escolas como Presidente Médici, Maestro Francisco Manuel da Silva e Arnaldo Moreira Douat foram afetadas com essa medida, o que prejudicou alunos, professores e comunidade escolar.

Com essa situação os alunos foram remanejados para outras turmas, causando em alguns casos superlotação nas salas de aula. Os professores tiveram redução de aulas comprometendo sua situação financeira.

Para o Sinte, o governo desrespeita a Educação Catarinense impondo medidas arbitrárias causando prejuízos incalculáveis.

Não bastasse a falta de investimentos o governo anuncia a contenção de gastos no estado, que somente na Educação terá um corte de  R$ 9,5 milhões, conforme informações do próprio governo.

Precisamos reagir a esses ataques! Pedimos aos Trabalhadores em Educação que denunciem ao Sinte Joinville a reenturmação e a superlotação de turmas, para encaminharmos ao Ministério Público na tentativa de reverter essa situação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário