Sinte - Regional de Joinville

Sinte - Regional de Joinville

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Queremos a aplicação do piso imediatamente!

Acompanhe reportagem publicada na imprensa de SC
Piso nacional dos professores é mantido pelo Supremo e pode dobrar salários em Santa Catarina
Determinação é que salário seja R$ 1.187; atualmente valor pago é R$ 600

Professores da rede pública de educação de Santa Catarina, comeram a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que manteve, nesta quarta-feira, o pagamento do Piso Nacional da Categoria.

A Lei determina que o salário dos professores não pode ser menor que R$ 1.187,97, para uma carga horária de 40 horas semanais. Atualmente o salário base da classe catarinense é de cerca de R$ 600.

O Estado de Santa Catarina havia questionado a determinação, promulgada em 17 de julho de 2008, alegrando que teria problemas com a folha de pagamento dos servidores.

Para debater a aplicação da determinação, cerca de 1500 professores se reuniram em Florianópolis, nesta quinta-feira, em uma assembleia. Caso o Governo do Estado, não cumpra com a decisão do Supremo, a classe promete fazer atos públicos, diminuir o tempo das aulas, de 45 para 30 minutos e parar os trabalhos no dia 11 de maio.

— Queremos a aplicação do piso imediatamente. Tentamos convencer o Estado desde 2009 e agora vamos retomar as conversações e, se não conseguirmos evoluir vamos nos mobilizar— fala o secretário de assuntos jurídicos do Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Santa Catarina, Aldori José Kraemer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário